Caminhos para Acreditação ONA – 1 de 6

Receba Nossa News

Os conteúdos mais legais sobre qualidade, semanalmente em seu e-mail

Todos os dados inseridos aqui, estão resguardados pela Política de Privacidade da ForLogic, totalmente adequada a LGPD e ISO 27001 (Segurança da Informação).

Glauber Sena Ceolin

Glauber Sena Ceolin

Fala galera da Qualidade! É com muita alegria, inspiração e boas energias que preparei meu artigo de estreia no blog Qualidade para Saúde. Tanta inspiração que rendeu até uma série. Isso mesmo, durante meus próximos artigos falaremos sobre Caminhos para Acreditação no Manual Brasileiro de Acreditação da ONA (Organização Nacional de Acreditação).

Vivencio diariamente o cenário da Qualidade em Saúde durante contato com diversos alunos, colegas de profissão, clientes e organizações. E uma das conversas mais interessantes que tive recentemente com uma amiga foi justo sobre este tema. A partir do que possuo de experiência prática, selecionei os pontos que considero fundamentais para um projeto de Acreditação.

Para quem iniciou recentemente nesta área, esta série lhe ajudará a planejar os passos com maior assertividade. Se você já trabalha com a metodologia do Manual ONA, aproveite para identificar quais das estratégias apresentadas você utilizou ou reconhece que deveria ter adotado, afinal, qualidade é melhoria contínua.

consultor Parceiro

Conceito sobre Acreditação

Antes de falar sobre as etratégias, considero importante alinharmos os conceitos sobre o tema.

Segundo a definição do próprio Manual ONA para OPSS (Organizações Prestadoras de Serviços de Saúde) “A Acreditação é um método de avaliação e certificação que busca por meio de padrões e requisitos previamente definidos, promover a qualidade e a segurança da assistência no setor da saúde“.

E acrescenta: “Por não ter caráter prescritivo, a metodologia de acreditação ONA não traz recomendações específicas sobre ferramentas, técnicas, processos ou linhas metodológicas a serem seguidas por organizações que se submetem à avaliação“.

Por que aderir ao processo de Acreditação?

Ao conversar com profissionais experientes, com atuação em instituições maduras e que possuem vários ciclos de auditorias de manutenção e Recertificação podemos elencar em cada realidade um conjunto de recomendações sobre as vantagens e pontos positivos da metodologia. Nesta versão 2022 o manual da ONA relacionou alguns dos principais benefícios, que são:

  • Para demonstrar que a organização apresenta padrões de segurança e qualidade no atendimento ao paciente/cliente.
  • Para revelar responsabilidade e comprometimento com a assistência segura.
  • Para integrar os processos internos levando a um melhor desempenho.
  • Para promover a melhoria contínua dentro da organização.
  • Para identificar riscos, diminuir retrabalhos e otimizar os recursos existentes na organização.
  • Porque é também uma importante ferramenta de gestão, que contribui para a melhoria do desempenho dos processos, através do entendimento e atendimento aos padrões e requisitos.

É difícil planejar o caminho!

Fica bem nítido que o manual nos apresenta os padrões para Estrutura, Segurança e Excelência dos processos, ou seja, O QUE deve ser implementado. Por essa razão muitos profissionais e organizações relatam o desafio de analisar e decidir O COMO conduzir a implantação da metodologia.

De fato, não existe um roteiro detalhado pronto ou um passo a passo perfeito que as organizações podem seguir rigorosamente. Cada instituição possui seu contexto, seu perfil de atendimento/demanda, além de estruturas, processos, políticas, e recursos com características específicas.

Imagine por alguns instantes sobre como seria um projeto de Acreditação desdobrando os requisitos do Manual ONA em Hospitais, Ambulatórios e Pronto Atendimentos do SUS? E no cenário destes serviços em grandes grupos privados? E na região Sul do País é igual a realidade do Norte ou Nordeste?

Agora fica evidente o quanto um projeto de Acreditação deve ser personalizado. Isso requer análises, conhecimentos sobre a metodologia e sobre o contexto da Organização.

Mesmo neste cenário complexo é possível padronizar. Há um conjunto de caminhos e estratégias que quando implementados de maneira personalizada, planejada e integrada contribuem para uma evolução organizada, assertiva e consistente do projeto de Acreditação. Falaremos sobre 6 estratégias essenciais:

  • Realizar um DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL;
  • Conscientizar, engajar e estreitar participação das LIDERANÇAS, sobre seus papéis;
  • Definir e apoiar um RESPONSÁVEL pela Coordenação do projeto de implantação;
  • Desenvolver ações/ iniciativas para construir e evoluir a CULTURA de Qualidade;
  • Considerar, planejar e adotar iniciativas de COMUNICAÇÃO com os stakeholders
  • Estruturar, planejar, validar e conduzir um PROJETO de implantação

Ao longo da série apresentaremos exemplos sobre como desenvolver cada tema. Vamos nessa!

Estratégia 1: Diagnóstico Organizacional

O Diagnóstico Organizacional é o processo pelo qual a instituição passa por avaliação nos principais padrões e requisitos da metodologia ONA. Em avaliação inicial não é necessário verificar item a item do manual, mas sim realizar uma abordagem transversal e holística de pontos críticos.

Ele ajuda a obter compreensão sobre a forma de trabalho atual da Organização, sobre sua maturidade referente à cultura, processos e gestão, possibilitando identificar e relatar seus pontos fortes e os maiores desafios. Muitas organizações antes mesmo de buscar um processo de Acreditação já utilizam por exemplo Planejamento Estratégico, Procedimentos, Protocolos, entre outros. Todavia, quando essas rotinas são avaliadas à luz do Manual é que conseguimos perceber nosso nível de adequação aos padrões.

O Diagnóstico deve ser feito por profissionais habilitados, ou seja, que possuem formação adequada, conhecimentos técnicos na metodologia e experiência prática em auditorias de qualidade. Pode ser feito pelas IACs (Instituições Acreditadoras Credenciadas) ou por profissionais de Consultorias Especializadas.

Quando um diagnóstico é realizado por equipe capacitada e conduzido em processo assertivo ele deve fornecer um relatório situacional, que servirá como base para os próximos passos e estratégias.

É importante neste ponto analisar e decidir sobre a contratação ou não de consultoria para orientar o projeto de Acreditação. A consultoria especializada é fortemente recomendada nas situações em que a Diretoria, o Responsável pela Qualidade e os Gestores não possuem experiência e conhecimentos profundos da metodologia.

Com orientações e estratégias bem direcionadas a Organização desenvolve as tarefas com maior segurança e precisão, com menor retrabalho, maior ritmo e produtividade, contando com explicações, exemplos, capacitações e acompanhamento em cada fase e ponto crítico do caminho.

Quando a Organização possui um profissional da Qualidade com conhecimentos e experiência prévia, é possível que ele coordene o projeto junto à Diretoria, e que uma IAC faça o Diagnóstico.

diagnósico organizacional - para Acreditação ONA

Fonte: Acervo gratuito, site pexels.com

Próximos passos para Acreditação ONA

O Diagnóstico Organizacional é uma estratégia de grande valor para direcionar a caminhada do projeto de Acreditação. A partir da análise de seus apontamentos, poderemos dimensionar aspectos importantes como: estimativa do tempo para a implantação; investimentos para capacitação e desenvolvimento das equipes; contratação ou formação de profissionais da Qualidade; entre outros pontos.

E em sua vivência, você teve a oportunidade de participar de um Diagnóstico Organizacional, sendo avaliado? Ou já conduziu e realizou um?

O 1º artigo da série “Caminhos para a Acreditação ONA” continua com você, nos comentários. Conta aqui sobre suas dúvidas e experiências.

No próximo artigo (2 de 6) abordarei sobre as estratégias para “Conscientizar, engajar e estreitar participação das LIDERANÇAS, sobre seus papéis”.

Até lá!

Idealizado por Forlogic | www.forlogic.net
Saiba mais sobre qualidade em https://ferramentasdaqualidade.org/
Conheça nossos softwares:
Gestão da Qualidade https://qualiex.com/ | Gestão da Metrologia https://metroex.com.br/

Sobre o autor (a)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Blog da Qualidade

Artigos relacionados

Planos